Acreditação

Logo1_351x282px

A assistência de excelência que marca a trajetória do Hospital Pró-Cardíaco é resultado de uma abordagem multidisciplinar que envolve, além do corpo clínico, o trabalho de enfermeiros, nutricionistas, farmacêuticos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos e psicólogos. Continue reading

Acreditação

Por sua excelência em Cardiologia, o Pró-Cardíaco obteve reconhecimento internacional em 2012 com a conquista da Acreditação Canadense (Canadian Council for Health Services Accreditation – CCHSA). A acreditação hospitalar é um conjunto de ferramentas concebidas para aprimorar o modelo de gestão da instituição e garantir assistência segura e de qualidade ao paciente. A correta adequação a essas ferramentas é avaliada por um sistema externo e isento que concede, ou não, o selo de qualidade.

O Hospital foi ainda o terceiro do mundo a receber a Distinção de Atendimento ao Paciente com AVC (Stroke Distinction), também emitida pela Accreditation Canada que tem programas de certificação de serviços em áreas específicas, como a Stroke Distinction. Os principais requisitos para receber a Distinção são: utilização de referências internacionais para o diagnóstico e tratamento do AVC; apoio ao paciente; tratamento individualizado; promoção da educação aos pacientes e familiares; segurança do paciente; coleta e análise de dados relevantes para o fomento de pesquisas; e utilização de ferramentas para melhoria continua do plano de cuidados.

Responsabilidade Social

Com a finalidade de manter uma atuação social relacionada à sua expertise, o Pró-Cardíaco encontrou uma oportunidade adequada, em 1996, quando apoiou a renomada cardiologista brasileira Dra. Rosa Célia Pimentel Barbosa. Na fundação  Pro Criança Cardíaca, instituição médica sem fins lucrativos que cuida de crianças carentes portadoras de doenças do coração.

Como parceiro do projeto, o hospital disponibilizou infraestrutura e equipes para a realização de exames sofisticados de diagnóstico, além de cirurgias cardíacas com padrões internacionais de qualidade e segurança. Em 18 anos, o Pro Criança atendeu mais de 20.000 crianças e 1.300 cirurgias cardíacas foram realizadas gratuitamente no hospital, com tratamento continuado pela mesma equipe e com suporte à família após a alta hospitalar.

Com o êxito da iniciativa, a Dra. Celia partiu para mais uma investida audaciosa, a fim de aumentar a capacidade de atendimento. E, em 2014, foi inaugurado, em Botafogo, o Hospital Pro Criança – Jutta Batista, que tem como missão ser um hospital geral pediátrico de excelência, preparado para atender todo tipo de patologia, especialmente as cardiopatias de alta complexidade.

O Pró-Cardíaco se orgulha por ter contribuído com o projeto, garantindo às crianças carentes o padrão de atendimento humanizado, com tecnologia avançada, qualidade e segurança.

Prêmios

Hospital Pró-Cardíaco

2014

– “Suporte Mecânico Ventricular Intrapericárdico”, com os resultados dos primeiros cinco corações artificiais implantados no Brasil, no Hospital Pró-Cardíaco, ganha o prêmio de Melhor Trabalho Científico do 31º Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio de Janeiro, a SOCERJ.

– No mesmo congresso da SOCERJ, o Serviço de Fisioterapia do Hospital recebe o prêmio de Melhor Tema Oral por um estudo inédito sobre reabilitação de pacientes com suporte mecânico de circulação como ponte para transplante cardíaco.

– Os fisioterapeutas do Pró-Cardíaco também são reconhecidos pela American Thoracic Society (ATS) – a maior e mais importante sociedade de pneumologia do mundo. Brazilian Manual of Home-Based Pulmonary Rehabilitation: Does it maintain the beneficts achieved during the outpacient program? ganha o prêmio de Melhor Trabalho na categoria Reabilitação Pulmonar no congresso anual da entidade.

2013

O Hospital Pró-Cardíaco ganha o ‘Prêmio Empresarial de Maior Parceiro da Cardiologia Brasileira’, concedido pela Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). A homenagem chega no momento em que a instituição comemora a implantação dos primeiros ventrículos artificiais e a realização de cirurgias híbridas, de revascularização combinada com angioplastia e colocação de stents.

2009

– “40 Prêmio ABC” (Arquivos Brasileiros de Cardiologia) na categoria “Melhor artigo original em insuficiência cardíaca publicado em 2008”: Influência da espironolactona nos níveis sanguíneos de tiamina em pacientes com insuficiência cardíaca.

2008

– Prêmio “Mérito em ciência e tecnologia” da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC).

– Troféus Corp RH nas categorias “Hospital” e “Empresa para check-up médico”, no Congresso e Exposição Corporativa de Recursos Humanos.

– “Urso de Ouro 3M” para o “Protocolo de fixação segura de cateteres”.

2007

– Prêmio Schering Plough de “Melhor tema livre Siguemituzo Ariê” na categoria método diagnóstico, do 62º Congresso Brasileiro de Cardiologia:
Análise da função sistólica dos pacientes com infarto agudo do miocárdio submetidos a transplante autólogo de células mononucleares da medula óssea (TACMMO).

2003

– Prêmio Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio de Janeiro (Socerj) de “Melhor tema livre oral”: fenótipo celular e sua correlação com a redução de isquemia miocárdica em pacientes submetidos a transplante autólogo intra-miocárdico de células mononucleares da medula óssea.

– Menção Honrosa do Ministério da Saúde pelo trabalho “Transplante autólogo e transendocárdico de células mononucleares da medula óssea em pacientes portadores de cardiopatia isquêmica com grave disfunção ventricular”.

– Tema livre selecionado para sessão especial do Congresso de Insuficiência Cardíaca da Sociedade Europeia de Cardiologia (Heart Failure Congress).

– Prêmio da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) de “Melhor tema livre oral”: melhora sintomática e da capacidade de exercício em oito semanas, de um estudo controlado de transplante autólogo de células tronco em humanos com severa insuficiência cardíaca isquêmica.

Ética

Com o intuito de manter a qualidade do atendimento médico-hospitalar, com ênfase na segurança dos pacientes, o Hospital Pró-Cardíaco elaborou e disponibiliza o Regulamento do Corpo Clínico, instrumento de trabalho para os diversos profissionais atuantes na instituição.

História

Hospital Pró-Cardíaco

Pró-Cardíaco 1959

1959

É concretizada a ideia do cardiologista Dr. Onaldo Pereira, da criação de um serviço de atendimento domiciliar cardiológico de urgência, no Rio de Janeiro.
O Pronto-Socorro Cardiológico Pró-Cardíaco é fundado no dia 9 de novembro em algumas salas do então Hospital dos Radialistas, no Humaitá. Tudo de que se dispunha era um eletrocardiógrafo, uma ambulância alugada e a competência dos profissionais que aderiram à iniciativa.

1961

Com o encerramento das atividades do Hospital dos Radialistas, o Pronto-Socorro Pró-Cardíaco migra para a Casa de Saúde Santa Lúcia, também no Humaitá.

Pró-Cardíaco 1961

Pró-Cardíaco 1967

1967

Para ampliar seus serviços, o Pronto-Socorro muda-se para a Rua Dona Mariana, em Botafogo, dispondo de sete leitos para internação. O endereço é o atual acesso para a Central de Exames do Pró-Cardíaco.

1968

É criada a primeira Unidade Coronariana em um hospital privado no Rio de Janeiro, com o objetivo de oferecer maior vigilância aos pacientes mais graves. É o embrião da Unidade de Terapia Intensiva do Hospital.

Pró-Cardíaco 1970

1970

Mais um imóvel é adquirido pelo Hospital, com a criação de outros nove leitos.

1980

Um grande salto é dado na qualidade do atendimento, com a inauguração do primeiro serviço de Hemodinâmica de um hospital privado do Rio de Janeiro. Outros imóveis vizinhos são adquiridos e surge o endereço da Rua General Polidoro, aumentando para 90 o número de leitos.

Pró-Cardíaco 1980

1982

Em plena Copa do Mundo, com a Seleção Brasileira favorita para o título, o técnico Telê Santana é internado no Pró-Cardíaco com parada cardíaca e pneumonia. O Hospital recebe a mídia nacional e internacional.

1984

Realizada a 1ª Jornada Científica do Hospital Pró-Cardíaco, uma inovação na área da saúde privada do Rio de Janeiro e sinal da busca constante da instituição por melhores, mais atuais e fundamentadas práticas de combate e prevenção das doenças do coração.

Pró-Cardíaco 1988

1988

O Pró-Cardíaco é capaz de prestar assistência integral ao paciente com doença coronariana aguda, ao criar seu Centro de Terapia Intensiva (CTI) com cuidado transdisciplinar, e o Centro Cirúrgico, ambos com tecnologia de ponta.

No mesmo ano, é feita a primeira cirurgia cardíaca institucional. O Hospital inova mais uma vez ao utilizar o ecocardiograma transesofágico durante as cirurgias.

Pró-Cardíaco 1990

1990

Aquisição de equipamentos de tomografia computadorizada e de ressonância magnética.

Os exames de Medicina Nuclear são incorporados definitivamente aos métodos diagnósticos.

Inauguradas a Unidade Pós-Operatória e a nova Unidade Coronariana. O ambiente do CTI já não era ideal para o tratamento dos pacientes com insuficiência coronariana aguda.

1991

O Pró-Cardíaco cria seu Centro de Ensino e Pesquisas (PROCEP), que viria a construir uma sólida trajetória de expertise nas áreas de educação continuada/treinamento, ensino e pesquisa clínica. Ao longo de sua história, o PROCEP foi credenciado por órgãos como os Ministérios da Ciência e Tecnologia, da Educação e da Saúde para coordenar pesquisas multicêntricas e formar novos talentos.

1992

Novamente, um personagem da história brasileira em um momento decisivo para o país interna-se no Pró-Cardíaco: Leda Collor, mãe do então presidente da República, Fernando Collor de Mello, permanece na instituição por 26 dias, durante uma das maiores crises políticas do Brasil.

Pró-Cardíaco 1995

1995

A primeira Unidade de Dor Torácica do Brasil é criada pelo Pró-Cardíaco, inspirada na experiência do Dr. Raymond Bahr, do Hospital St.Agnes, de Baltimore, Estados Unidos. A sistematização do atendimento e a estratificação precoce nos pacientes com dor torácica diminuem as internações desnecessárias e prolongadas e evitam a liberação de pacientes potencialmente graves.

Um ano depois, a Unidade é certificada como Centro Internacional de Dor Torácica pela norte-americana National Association of Chest Pain Emergency Departments.

Pró-Cardíaco 1996

1996

Com a iniciativa e coordenação da cardiologista Dra. Rosa Célia, tem início o projeto Pro Criança Cardíaca em parceria com o Hospital Pró-Cardíaco, que possibilita o acesso de crianças carentes a exames sofisticados de diagnóstico, além de cirurgias cardíacas com padrões internacionais de qualidade segurança.

No mesmo ano, o Centro Cirúrgico do Hospital ultrapassa a marca de 1.000 cirurgias realizadas e o seu modelo de integração com a UTI Pós-Operatória ganha o reconhecimento de instituições públicas e privadas em todo o Estado.

1997

A mais moderna Unidade de Emergência do Estado, nesta época, é inaugurada no Pró-Cardíaco.

Criação do Check up cardiológico personalizado, com todos os exames realizados no mesmo dia e no mesmo lugar e com a qualidade da instituição. A Unidade Neurológica do Pró-Cardíaco desponta como um dos seus grandes diferenciais, com atendimento rápido e eficaz aos pacientes com acidente vascular cerebral (AVC).

É inaugurado o Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) do Hospital.

Pró-Cardíaco 1997

1999

Tem início o Programa de Residência Médica em Cardiologia, em parceria com a 6ª Enfermaria da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro tendo, em 12 anos, já formado mais de 80 médicos.

Pró-Cardíaco 2001

2001

O nome Pró-Cardíaco entra para a história da terapia celular no Brasil e no mundo. Em parceria com o Texas Heart Institute e com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), colhe resultados promissores na utilização das células-tronco no tratamento de cardiopatias isquêmicas. Dois anos depois, o estudo é publicado na revista norte-americana Circulation.

2005

Mais três programas de residência médica são credenciados pelo Ministério da Educação (MEC) nas áreas de Cardiologia, Medicina Intensiva e Medicina Nuclear, além do programa de Clínica Médica.

Pró-Cardíaco 2009

2009

O Hospital Pró-Cardíaco completa 50 anos.

imgRight

2010

Inaugurados o novo laboratório de Hemodinâmica e a nova Emergência do Hospital. Os setores foram
ampliados, reestruturados e equipados com tecnologias ainda mais modernas para proporcionar conforto e
eficiência superiores a um atendimento com padrões de nível internacional.

imgRight

2011

A instituição inova mais uma vez ao lançar o “Manual do Cirurgião” e convida cirurgiões e anestesistas a participarem da elaboração dos protocolos que garantem qualidade e segurança no centro cirúrgico.

O Pró-Cardíaco prepara-se para a inauguração de sua Unidade Neurointensiva e a conquista da “Distinção Canadá: Programa de Certificação de Serviços de Atendimento ao AVC. O objetivo é prestar um atendimento de acordo com as melhores práticas mundiais, minimizando os riscos em pacientes que sofreram acidente vascular cerebral.

imgRight

2012

– Conquista da Acreditação Internacional – Canadian Council for Health Services Accreditation – CCHSA

– Conquista da Distinção Canadá de Atendimento ao Paciente com AVC – Stroke Distinction da Accreditation Canada

– Centro de Fibrilação Atrial do Pró-Cardíaco faz o primeira oclusão do apêndice atrial esquerdo no Brasil

– Primeiras cirurgias de implante de coração artificial pela equipe do Programa de Insuficiência Cardíaca Cirúrgica

– Novo Laboratório de Medicina Nuclear com o primeiro equipamento de SPECT-CT em hospital privado do Rio de Janeiro – Inauguração da Unidade Semi-Intensiva III – Criação do Estar Médico e do Centro de Apoio à Família (CAF)

2013

– Inauguração da Sala Híbrida para cirurgias complexas nas áreas de cardiológica e neurovascular

– CTI completa 25 anos e ganha novas instalações com 16 leitos e o nome de Dr. Onaldo Pereira, fundador do Hospital

– 100 primeiros casos, com resultados positivos, de implante percutâneo da válvula aórtica pela equipe do Laboratório de Cardiologia Intervencionista/Hemodinâmica

2014

– Primeira cirurgia de implante do coração artificial Heart Mate II no Brasil

– Inauguração da nova Central de Exames com a Ressonância Magnética mais completa do país

– Serviço de Ecocardiografia tem nova infraestrutura e ganha o cicloergômetro para eco de esforço.

Missão, Visão e Valores

VISÃO

Ser referência em medicina de alta complexidade no Brasil.

MISSÃO

Praticar medicina de alta complexidade com sustentabilidade e segurança.

VALORES

Nosso valor mais essencial é a construção de relacionamentos de longo prazo, mutuamente compensadores, com clientes, colaboradores, fornecedores, médicos, parceiros de negócios e com a comunidade em geral. A base dessa construção revela o pressuposto ético que é central na maneira como trabalhamos.