Imagem de uma sala cirúrgica

Cardiologia

Especialidade médica

São 10 especialidades com foco em cardiologia:

O Pró-Cardíaco é especializado no atendimento multidisciplinar aos pacientes com fibrilação atrial (arritmia cardíaca mais frequente encontrada na cardiologia) que necessitam de tratamentos como: estudo eletrofisiológico, ressincronização cardíaca, ablação por cateter, oclusão percutânea do apêndice atrial e o implante de marca-passos e desfibriladores.

A doença coronariana aguda é uma das principais causas de morte e deve-se ao acúmulo de gordura que obstrui os vasos do coração. Os principais fatores são colesterol e glicose elevados no sangue, hipertensão arterial, tabagismo, vida sedentária e história familiar. O surgimento de dor no peito é um sinal de alerta que deve ser urgentemente avaliado. O Pró-Cardíaco é referência no atendimento aos pacientes nessa condição.

O Hospital Pró-Cardíaco realiza o diagnóstico da doença coronariana crônica com exames como o eletrocardiograma em repouso e sob esforço físico, cintilografia miocárdica ou ecocardiograma sob esforço físico ou uso de drogas, ressonância magnética, angiotomografia computadorizada do coração ou cineangiocoronariografia. Estes exames também são fundamentais para orientar o tratamento (medicamentos, angioplastia ou cirurgia).

A cardiologia do exercício interage com diversos outros setores do Hospital, direcionando a investigação de sintomas desencadeados pelo esforço físico como desmaios, dor torácica, palpitações e falta de ar, entre outros. Além disso, conta com profissionais e médicos especializados, capazes de acompanhar atletas e outros indivíduos fisicamente ativos, orientando a prática individualizada de exercícios visando a saúde e o bom desempenho.

O paciente idoso em condições clínicas de baixa-média complexidade, com múltiplas comorbidades e usuário de muitos medicamentos, é população bastante comum no Hospital Pró-Cardíaco. Para realizar o manuseio adequado e seguro nestes casos, a instituição conta com profissionais especializados – tanto em Cardiologia, como em Geriatria – capacitados para melhor entender a interação entre as doenças do envelhecimento e as cardiovasculares. Aos médicos, juntam-se enfermeiros, fisioterapeutas, fonoaudiólogas, nutricionistas e psicólogas, no setor do Hospital onde a filosofia multidisciplinar é determinante para a recuperação e a qualidade de vida do paciente.

A doença cardiovascular no paciente oncológico é muito comum, e pode ser gerada ou acelerada pelo tratamento com quimioterapia, radioterapia e imunoterapia. O atendimento conjunto de cardiologistas e oncologistas, realizado no Pró-Cardíaco, é fundamental para prevenir ou controlar problemas de coração nos pacientes com diagnóstico de câncer.

Desde a cirurgia de revascularização do miocárdio (pontes de safena e mamária) ou implante de um coração artificial, até uma cirurgia minimamente invasiva que permita uma recuperação mais rápida e segura, a Cirurgia Cardíaca no Hospital Pró-Cardíaco está apta a tratar recém-nascidos com problemas cardíacos complexos até pacientes nonagenários que necessitem de intervenção cardiológica.

A hipertensão arterial é um dos principais fatores de risco para a doença cardiovascular, respondendo por aproximadamente 50% dos óbitos por doença arterial coronariana e por 65% dos acidentes vaculares encefálicos. O Pró Cardíaco dispõe de um Centro de Hipertensão Arterial equipado com aparelhos de monitorização da pressão arterial de última geração. Os exames são realizados de acordo com as recomendações mais atuais das diretrizes brasileiras sobre MAPA (Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial) e MRPA (Monitorização Residencial da Pressão Arterial).

O Centro de Insuficiência Cardíaca (IC) do Hospital Pró-Cardíaco atende desde crianças com miocardites e doenças congênitas, por exemplo, até idosos em situação de pós-infarto ou com estenose aórtica, entre outras enfermidades. O cuidado especializado prestado aos pacientes, neste setor, promove melhor adequação da medicação e diminui as complicações durante o tempo de internação, que, por sua vez, também é reduzido.

O Serviço de Reabilitação Cardiovascular, oferecido há dez anos pelo Hospital Pró-Cardíaco, tem como público-alvo: pacientes após alta hospitalar que tenham realizado procedimentos como cirurgia de revascularização e angioplastia; pacientes que já apresentaram problemas no coração, mas não passaram por intervenções; e pessoas sem nenhum sintoma de doença cardiovascular, mas com fatores de risco como obesidade e diabetes. A meta do serviço é impedir a recorrência do problema cardiológico (prevenção secundária), bem como evitar seu aparecimento (prevenção primária).